sábado, 7 de março de 2015

Vencendo nossas preocupações e medos para triunfar no final

Genesis 32.24
Porém Jacó ficou sozinho. E um homem pôs-se a lutar com ele até o romper do dia.

Introdução
Analisando este conhecidíssimo texto, pregado por muitos, ministrado por muitos e ensinado por tantos, Deus colocou em meu coração algo que ainda não havia visto ninguém ministrar deste ponto de vista. Analisando a situação vivida por Jacó, o momento difícil que ele vinha passando, as circunstancias que não lhe era favoráveis, me deparo com um Jacó pronto a sacar a espada e iniciar uma luta, não como desafiante, mas uma luta para se defender.

Imagine você que o nosso Jacó ainda não tinha certeza se havia resolvido o problema com seu sogro, Labão, que já o havia perseguido e não estava muito contente com a situação. À frente ele tinha um inimigo que o jurara de morte há muitos anos atrás e que ele não sabia como este receberia, na verdade não sabe nem como o irmão traído se portaria quando soubesse do seu retorno. Na mente de Jacó uma coisa era certa, a recepção não seria amistosa.

Para abrandar o coração do irmão, Jacó prepara um presente que nós encontramos descrito em Genesis 32: 13-15 “Ele passou ali aquela noite e separou do que tinha um presente para seu irmão Esaú: duzentas cabras e vinte bodes, duzentas ovelhas e vinte carneiros, trinta camelas de leite com suas crias, quarenta vacas e dez touros, vinte jumentas e dez jumentinhos.”.

Assim como nós nos dias de hoje, Jacó enfrentava agora seus medos e suas preocupações enquanto obedecia ao chamado de Deus. Mesmo tendo certeza que Deus o havia enviado de volta para sua terra natal, Jacó era assolado pela incerteza do que poderia com ele e com sua família quando Esaú, seu irmão traído, o encontrasse.

Jacó vai descobrir que quando obedecemos a Deus, Ele toma para si nossos medos, nossas preocupações e de tudo nos livra.

Encarando nossas preocupações
Pela narrativa bíblica dá para entender que uma das e, talvez a maior preocupação de Jacó, fosse com relação a sua família. Ele trazia consigo suas mulheres, seus filhos ainda pequenos, suas concubinas e todos os seus bens. Esse era o momento mais frágil de sua caminhada de volta pra casa, qualquer inimigo que estivesse a fim de atacá-lo não perderia esta oportunidade.

Desprovido de qualquer defesa e refugio, Jacó percorria a longa caminhada com o “coração nas mãos”, pois sabia que sua família era um alvo frágil e fácil que poderia ser destruído diante dos seus olhos sem que nada Le pudesse fazer para defende-la. Seus bens poderiam ser saqueados a qualquer momento e os recursos que ele possuía eram mínimos e insuficientes para uma defesa.

Sabe onde estava a segurança de Jacó durante a caminhada? Em uma promessa que Deus fizera antes de iniciar a jornada, está em Genesis 31.3 Então o SENHOR disse a Jacó: Volta para a terra de teus pais e para teus parentes; e eu serei contigo. Meu querido leitor, não perca a esperança, não perca o animo quem prometeu é fiel para cumprir!

Qual era a maior preocupação de Jacó? A família. Qual é a tua maior preocupação? Entrega ela nas mãos de Deus, confie nEle e Ele tudo fará.

Encarando nossos medos

O maior medo de Jacó durante seu retorno era a reação do irmão, era a forma que o irmão receberia, o maior temor de Jacó estava ao ponto de se cumprir, era o que aconteceria no momento em que encontrasse o irmão.

Fico pensando no momento quando ele ficou sozinho para trás, quando aconteceu o episódio de Genesis 32.24 “Porém Jacó ficou sozinho. E um homem pôs-se a lutar com ele até o romper do dia.”. Acredito que naquele momento de solidão, Jacó chegou a pensar que seu maior medo estava se realizando, acredito que naquele momento, quando aquele homem aparece no meio da escuridão e vem pro lado dele, nosso Jacozinho parte para o ataque e agarra aquele individuo.

Quem poderia aparecer naquela hora da madrugada, exatamente quando ele estava sozinho? Quem poderia aproveitar aquele momento para tirar-lhe a vida? Esaú? Labão? Não sei e nem a bíblia descreve, mas mostra um exemplo que se deve ser seguindo, seja qual for o inimigo que se levantar contra você, não se deixe abater, levante a cabeça e lute, pois a vitória virá.

Qual é o seu maior medo hoje? Levante do seu lugar hoje e o enfrente, pois o Senhor dos Exércitos te dará a vitória.

Vivendo os livramentos de Deus
Quando Jacó chegou a sua terra natal ele começou a verdadeiramente viver as vitórias que Deus tinha para ele. Um tempo de vitórias está chegando a tua vida hoje!

Para piorar a situação de Jacó, ele recebe a noticia que seu irmão está vindo com um exercito de quatrocentos homens ao seu encontro, era o momento decisivo de toda uma vida, mas havia uma promessa de Deus: “Volta que eu serei contigo!”.

No ponto alto desta história, no momento do encontro entre os dois irmão, de um lado Jacó levando vacas, camelos, jumentos cabras, ovelhas, as mulheres e os filhos pequenos, do outro Esaú, liderando um exercito de quatrocentos homens armados, prontos para guerra.

A narrativa de Genesis 33, nos primeiros versículos, mostra que houve um momento de hesitação, que Esaú do alto de seu cavalo observa o irmão se aproximando mancando, desarmado e sem nenhuma condição de enfrentar uma luta, nem ao mesmo reagir um ataque. Os dois se olham, se encaram, presente e passado se confundem, Esaú desce do cavalo e caminham em direção do irmão, os primeiros passos são lentos, eles vão ficando mais rápidos, então ele corre e se atira nos braços de Jacó. Seu maior medo cai por terra, ele achava que tudo que o irmão queria era vingança, mas na verdade tudo que Esaú queria era dar um abraço de boa vinda o irmão.

Esaú olha para o presente descrito em Genesis 32: 13-15 e pergunta, pra que isso meu irmão? É um presente, responde Jacó. Não quero seu presente, fica com que é teu, pois já tenho muito pra mim, já nem sei o que fazer com tudo o que tenho. É a resposta pronta de Esaú.

Jacó pergunta e estes quatrocentos soldados que vem contigo? A resposta de Esaú faz Jacó acreditar de uma vez por todas que Deus de fato estava com ele conforme lhe havia prometido. Esses ai vieram para fazer a segurança da sua família e dos seus bens para que ninguém toque no que Deus lhe Deus.

Acredite! Deus é contigo e está zelando de tudo que ele te deu.

Conclusão

Hoje Deus está resolvendo todas as tuas preocupações e colocando por terra todos os teus medos. O seu problema não é o que parece, aquilo que está parecendo problema, aquilo que parece que veio para lhe destruir, na verdade só vai te fortalecer.

Faça aqui que Deus mandou e Ele pelejará por ti. Seus inimigos vão trabalhar em teu favor e tudo irá bem, será prospero e amado.

Viva a vitória que Deus tem pra você.

Na paz do Mestre,
Presbitero Cido Silva

Manual do Pregador

7 Passos Pregação Evangélica

Guia do pregador Iniciante

Teatro Evangélico KIT

CRISE, um passo para o seu crescimento espiritual

Vídeo aulas de suporte teatral

Seguidores

Mais lidos